• Revista Plástica e Forma

COMO TER CABELOS BONITOS E SAUDÁVEIS APÓS OS DANOS DO VERÃO


Durante a estação do calor, os cabelos são mais expostos às agressões externas. Condicionadores de ar, dentro e fora de casa, no carro, no trabalho, exposição ao sol, cloro, praia, vento, poeira etc. não só agridem as fibras capilares, como também desidratam. Tantas agressões resultam em cabelos ressecados, que são os cabelos desidratados e em alguns casos, cabelos danificados. O hair stylist e visagista Flavio Gomes, do salão Colour Day (Leblon, Rio) afirma que todos esses fatores juntos contribuem e muito para produzir muitos danos à beleza dos fios, prejudicando a coloração, causando ressecamento, frizz entre outros probleminhas. “Destaco que a exposição ao sol direta nos cabelos resulta em desgastes e danos provocados também pelo fotoenvelhecimento capilar, tais como, ressecamento e enfraquecimento das fibras, gerados principalmente pela perda de proteínas. Estes aspectos auxiliam ainda na perda e desbotamento da cor”, aponta Flávio. Salientando que os tingidos são bem mais atingidos, em especial os louros, pois durante a descoloração o fio resseca, pois foram retirados pigmentos naturais, abrindo a cutícula dos fios para atingir o córtex. Esse processo remove a melanina natural dos fios deixando-os mais expostos as impurezas, ao sol e até a própria água do banho por conter certos aditivos como cloro, etc., podendo alterar o pH do cabelo.

Além disso, Flavio ressalta que as glândulas sebáceas são as principais responsáveis pela produção de sebo que protege o couro cabeludo e os fios. Quando o fio de cabelo é agredido por mudanças externas, sofre alterações como perda da umidade, aminoácidos, proteínas e queratina natural, o que provoca a desidratação e ressecamento dando um efeito áspero, poroso, opaco e sem brilho.

Para evitar todos esses problemas, manter os cabelos bonitos e saudáveis é preciso adotar certos cuidados. Confira as dicas e os conselhos de Flavio Gomes para recuperar os cabelos saudáveis e bonitos para as próximas temporadas.

- Proteção nos cabelos. Os danos do fotoenvelhecimento capilar atingem a matriz, uma espécie de cimento entre as células do córtex, prejudicando a retenção da água. Este mesmo cimento, composto pelas ceramidas e que também une as diversas camadas da cutícula, degrada-se, deixando as escamas abertas, resultando em cabelos ásperos, ressecados, sem brilho e com as pontas duplas. O filtro solar capilar atua exatamente para proteger os cabelos deste processo e, além do mais protege o couro cabeludo que sofre também alterações com a radiação solar. Use protetor solar capilar diariamente nos fios, em especial, quando for se expor diretamente aos raios solares, como praia, piscina e passeios ao ar livre. Aqueles que tem alguma química (relaxamentos, alisamentos, escovas) e oxidação (tinturas e similares) são mais atingidos pelo fotoenvelhecimento. O filtro solar para os cabelos ajuda a evitar e reduzir o problema, pois cria uma película protetora. Mas é bom lembrar que se for molhar os fios, se deve reaplicar o produto.

- Evite o Sol em demasia. Deve-se proteger os cabelos e couro cabeludo dos males do sol também com proteção física, como chapéus, bonés (já existe, inclusive, tecidos que protegem contra os raios UVA/UVB) e procurar evitar a exposição solar fora dos horários recomendados. Assim, não basta somente usar filtro solar para proteger os fios e se expor demasiadamente no sol. Vale lembrar a razão pela qual eles costumam mudar de cor que é decorrente do efeito de foto-oxidação dos pigmentos da melanina que altera, desbota e até modifica a tonalidade. Outro fator é a qualidade da coloração aplicada está mais suscetível à foto-oxidação.

- A lavagem dos cabelos é muito importante. Primeiramente é preciso fazer a escolha certa do shampoo e condicionador, preferencialmente que sejam de alta qualidade, pois irão dar a emoliência adequada aos fios e agirão dentro da necessidade dos fios. A maioria dos shampoos tem efeito “detergente’, ou seja, somente higieniza e não trata. Mas lembre-se, o uso errado ou exagerado prejudica ainda mais os fios e também o couro, então é fundamental remover todo o excesso dos produtos, assim impede o peso nos fios deixando-os mais leves e hidratados. No caso do cabelo estar rígido evite a queratina porque vai deixá-los mais rígidos ainda. Para este caso é melhor o uso de máscaras. Outra coisa, para quem pratica esporte e academia é válido lavar o cabelo diariamente.

- Evite dormir com os cabelos molhados ou úmidos. Esse hábito provoca o alojamento e a proliferação de fungos no pulpo capilar do cabelo.

- Cabelos loiros sofrem com o efeito esverdeado das piscinas devido ao sulfato de cobre, usado parar tratar a água. Eles quando entram em contato com os fios penetram na queratina e iniciam um processo de oxidação que altera a cor dos cabelos, sobretudo nos descoloridos. Proteja os cabelos utilizando máscaras ou como é usualmente conhecido leave-on, a base de silicones nobres, pois eles criam uma barreira protetora evitando o processo de oxidação e esverdeamento. Também é necessário intensificar a hidratação, porque os loiros em geral são cabelos mais porosos e se estiverem com as cutículas abertas e ressecados são ainda mais afetados. Para ajudar a proteger e prolongar a coloração e, realçar o tom aloirado, use também um xampu específico para madeixas loiras. Além disso, cabelos coloridos recentemente devem ficar cerca de quinze dias sem ter contato com a água da piscina.

- Invista na Hidratação com ativos de alta qualidade e com profissionais qualificados para recuperar os danos causados. Dependendo do tipo de cabelo é recomendada a hidratação semanal ou quinzenal. O procedimento repõe as perdas com os nutrientes necessários. Há também “blends” na indústria cosmética que oferecem além da proteção FPS, maciez, maleabilidade, proteção da cor, nutrição aos fios, de forma que atua como um coadjuvante para elasticidade, maior proteção, resistência e manutenção do teor hídrico.

- Adote proteínas, vitaminas, lipídios e outros elementos que contribuem para a saúde do cabelo, porém nenhum deles é para ser ministrado durante a exposição solar. Como o sol é foto-oxidativo, logo não é o veículo ideal para nutrir os cabelos.

- Essencial ainda que as pessoas devem ter os devidos cuidados com os processos químicos, tais como, relaxamentos, escovas que alisam em geral e até mesmo tinturas e exposição solar posterior. É preciso levar em conta que, apesar do produto ser retirado nos salões de beleza, muitas vezes permanecem resíduos que desencadeiam um processo quando exposto os raios UVA e UVB. Por isso, além da escolha correta dos produtos, aconselho para manter a saúde dos cabelos que evitem expor suas madeixas, até a segunda lavagem dos mesmos, para que se tenha certeza da retirada total dos resíduos das químicas.

- Cortar as pontas secas e espigadas regularmente é importante para manter a saúde dos cabelos. A perda de queratina e elasticidade enfraquece os fios e estimula a formação de pontas duplas.

- A queda de cabelo denominada alopécia de tração é causada por cabelos presos, muito repuxados, assiduamente. Evite esse hábito, pois enfraquece o couro cabeludo e, além disso, favorece a queda e a quebra dos fios. Também evite o uso de elásticos porque além de marcar as madeixas, na retirada dele, em geral, se arrebenta os fios.

- Não abuse de chapinhas e escovas e, quando o fizer use protetores térmicos que ajudam a protegê-los.

FONTE: O conceituado hair stylist e visagista Flavio Gomes tem formação na Vidal Sasson, na Inglaterra, na Tony & Guy, em Paris e em Buenos Aires na prestigiada Llongueras. Flávio é proprietário do Colour Day, no Rio (Leblon), que possui um conceito de beleza único, para quem gosta de exclusividade e sofisticação, onde cada pessoa ganha atendimento personalizado.

#CABELOSBONITOS #CABELOSSAUDÁVEIS

2 visualizações