• Revista Plástica e Forma

Cuide de sua saúde bucal e liberte seu sorriso !!


1. Bebidas alcoólicas afetam os dentes?


A grande maioria das bebidas alcoólicas é extremamente ácida. Consumi-las pode até dar prazer para algumas pessoas, mas muitas vezes não nos damos conta de que, além de elas serem prejudiciais à saúde de um modo geral, também podem afetar os dentes. Parece estranho, mas o ácido contribui para a destruição do cálcio, desgastando o esmalte dental e deixando os nervos mais expostos, o que pode potencializar a sensibilidade, dor e, em alguns casos, estimular a formação de cáries.


O álcool também desidrata o organismo e, portanto, a boca resseca com a diminuição de saliva. Sem falar no mau hálito que ele provoca. Em casos extremos, toda essa situação pode até culminar em câncer bucal, já que a pele da boca é muito delicada e o álcool é corrosivo para as gengivas e bochechas. Afetando as células desses tecidos, o câncer pode aparecer. Muitas das bebidas, ainda, têm elevada pigmentação, o que causa escurecimento ou amarelamento dos dentes.


Portanto, é importante consumir essas bebidas com moderação e ir ao dentista regularmente para prevenção e tratamento de possíveis doenças!

2. Preciso tirar o siso antes de colocar aparelho?


A colagem do aparelho ortodôntico não costuma ser indicada nos dentes sisos, pois eles apresentam anatomia diferenciada. No entanto, há casos em que o mau posicionamento deles pode influenciar na movimentação dos outros. Por isso, em pacientes que ainda possuem os sisos é necessário fazer uma boa avaliação antes de indicar o uso do aparelho.


Mesmo naqueles pacientes que não precisam usar aparelho, a avaliação dos sisos é sempre pertinente. Isto porque o mau posicionamento deles pode afetar a saúde bucal de diversas formas.


Agende sua avaliação e conheça nossas técnicas de sedação para que o tratamento seja tranquilo, indolor e eficiente!

3. VOCÊ TEM MEDO DE DENTISTA? CONHEÇA UMA TÉCNICA DE SEDAÇÃO PARA TRATAMENTO ODONTOLÓGICO.


Muitos pacientes evitam o tratamento odontológico devido ao medo. Estes pacientes adiam o tratamento até que a situação fique insustentável pela dor ou por problemas estéticos.

Casos de pequenas cáries e doenças gengivais que poderiam ser facilmente tratados no início vão evoluindo e o paciente é “forçado” a tomar uma difícil decisão: ir ao dentista!

Atualmente existem técnicas que podem permitir o tratamento com o paciente muitas vezes dormindo. Para que isto aconteça é necessário procurar um profissional capacitado e experiente que irá determinar um plano de tratamento baseado nas necessidades individuais do paciente e que determinará a melhor forma de sedação; se através de técnicas como a utilização de óxido nitroso ou com outras técnicas que permitam o tratamento sem trauma.


*Indicações e vantagens da Sedação com Oxido Nitroso*


Para quais casos a sedação são indicadas?

Medo / Ansiedade / Stress

Pacientes com problemas sistêmicos;

Pacientes Pediátricos

Procedimentos de longa duração


Vantagens da Sedação Inalatória:

Ação rápida

Previsibilidade

Não interage com outros fármacos*

Não há metabolização

Recuperação rápida

Não necessita acompanhante

4. MITO OU VERDADE? CARBOIDRATOS PODEM PREJUDICAR OS DENTES?


Ao contrário do que muitos pensam, o consumo excessivo de carboidratos não contribui apenas para o ganho de peso do paciente. Na verdade, esse tipo de alimento também pode trazer uma série de prejuízos para a saúde bucal. O motivo por trás disso é bem simples: eles são fontes de açúcar. Na prática, os carboidratos, especialmente os fermentáveis, favorecem o surgimento de cáries, já que o açúcar funciona como energia para ação das bactérias.


Além disso, uma dieta rica em carboidratos também pode diminuir o pH da boca e contribuir para a desmineralização dos tecidos dentais. Em casos mais severos de perda mineral, a cárie pode até mesmo destruir toda a coroa do dente - exigindo a realização de uma restauração dentária.

5. PIERCING LABIAL: QUAIS OS DANOS À SAÚDE BUCAL?


Se engana quem pensa que o piercing labial é um acessório inofensivo. Na verdade, ele é considerado um corpo estranho no organismo e pode provocar um processo inflamatório crônico local ou infeccioso, causando danos à saúde geral e bucal do paciente.


*OS DANOS A SAÚDE BUCAL CAUSADOS PELO PIERCING LABIAL*


- Aumenta as chances de surgirem problemas como a cárie dentária e a doença periodontal;

- Inflamação no local do uso do piercing;

- Infecções adversas pela má higienização;

- Reações de hipersensibilidade pelo material utilizado;

- Retração gengival;

- Nódulos granulomatosos ao redor da inserção do piercing;

- Perda dentária;

- Possível perda de sensibilidade no local, devido a preensão de ramificações nervosas que provocam parestesias após a perfuração.

6. JÁ FEZ O SEU CHECK-UP ANUAL?


Uma das melhores formas de garantir que sua boca está livre de problemas é consultando um profissional no assunto. Além de fazer uma limpeza mais completa da região - chamada de profilaxia -, ele pode verificar exatamente como anda o estado de saúde da cavidade bucal, e, caso haja indícios de algum probleminha, ele poderá encaminhá-lo para o tratamento mais adequado. O check-up vai dar a oportunidade ao paciente e ao profissional de detectarem a eventual presença de doenças e tratá-las precocemente, impedindo a sua evolução.


VEM PRA CÁ !!!

Instagram - @whitesmiledalloca

Site - www.whitesmile.odo.br