• Revista Plástica e Forma

O que se pode esperar da cirurgia plástica neste ano.


Além da procura pela satisfação estética, pacientes se submetem procedimentos visando otimizar o funcionamento do corpo.


O Brasil cresce anualmente no número de cirurgias plásticas, tanto que ocupa o posto de segundo colocado dos países que mais realizam plásticas no mundo. Mesmo com a expansão do home office, devido à pandemia, muitos aproveitaram o momento recluso para fazer um procedimento estético. A procura foi tanta, que um levantamento no Google aponta que a busca pelo termo rinoplastia aumentou 4.800% durante a quarentena.

Para Arnaldo Korn, diretor do Centro Nacional — Cirurgia Plástica, este ano não deve ser diferente, e a procura deve continuar em alta. Korn aponta quais são as tendências para 2021.

Rinoplastia: considerada cirurgia funcional por auxiliar na funcionalidade do corpo, esse procedimento foi um dos mais procurados no ano passado. Somada a preocupação de manter uma boa respiração devido à crise respiratória, a cirurgia corrige anomalias, como desvio de septo e melhora as condições respiratórias.


Mamoplastia: a estimativa é de que esta continue sendo a cirurgia mais procurada, seja para deixar os seios com menos volume (redutora) ou para aumentá-los. Além disso, hoje há uma procura por remover as próteses de silicone, o que deve somar ao procedimento. Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), só em 2016 esse procedimento representou 19% de todos os feitos no país, chegando a quase 300 mil.


Lipoaspiração: conhecida como lipoescultura, serve para remodelar áreas específicas do corpo. O procedimento, que remove o excesso de gordura, ficou atrás apenas do aumento de mama. Hoje, há alternativas tecnológicas, como a Lipo HD, que caiu no gosto de influenciadoras por ajudar a deixar a famosa “barriga trincada”, então, a expectativa é que continue em alta neste ano.


Blefaroplastia: cirurgia indicada quando as estruturas palpebrais ficam “frouxas”, deixando um excesso de pele e protrusão das bolsas de gordura que ficam sob as pálpebras. Esse procedimento, que remove o excesso de tecido, pode melhorar a visão e está na estimativa entre os mais tendenciosos para o novo ano.

Apesar do ano anterior ter sido um atípico no quesito saúde, o que se viu foi uma busca por melhorar o corpo e seu funcionamento. Mas é preciso atenção ao escolher qualquer procedimento, é necessário buscar as informações sobre o local e o profissional que fará o procedimento. Não é recomendável buscar apenas o que é mais em conta, pois a segurança deve ser prioridade. Caso haja dificuldade financeira, o paciente pode contar com assessoria administrativa, que oferece crédito com condições especiais de pagamento, como o Centro Nacional — Cirurgia Plástica.

Instagram - @centronacionalcirurgia

Av. Angélica, 2503 - Cj. 78 - Higienópolis, São Paulo - SP

Fone: 11.3231-5757