• Revista Plástica e Forma

Dermatologista Fábio Gontijo explica funcionamento de aparelho que tem substituído idas à academia.


Aparelho que faz 20 mil contrações musculares em 30 minutos vira febre em tempos de academias fechadas.


Um tratamento vem ajudando os aficionados por academias durante o período de restrições impostas para barrar as contaminações pelo coronavírus: o CMSlim®️. A tecnologia faz 20 mil contrações musculares em 30 minutos e já foi usada por celebridades como Sabrina Sato, Grazi Massafera e Jesus Luz. A novidade é uma alternativa para quem não tem conseguido ir malhar, além de oferecer rapidez nos resultados, “há pacientes que ao fim das sessões ganham de 4cm a 5cm de bumbum”, afirma o médico dermatologista especialista em dermatologia oncológica pelo Hospital Albert Einstein, Fábio Gontijo, um dos primeiros profissionais em Belo Horizonte e no Brasil a adquirirem a máquina.


Os pacotes são de 8 sessões, cada uma de 30 minutos, realizadas 2 vezes por semana. Gontijo afirma que é possível sentir resultados rapidamente. “Na primeira, o paciente nota alteração no tônus muscular, apesar de ainda não haver ganho de massa, a região fica mais firme”, destaca. O ganho de massa pode ser medido a partir da 4ª ou 5ª sessão. A tecnologia pode ser usada em diversas regiões do corpo: bíceps, tríceps, abdômen, glúteos, coxa anterior e posterior e panturrilha. Com alimentação correta, é possível haver perda de gordura também, de acordo com o médico. “As contrações estimulam o metabolismo, o que auxilia na quebra da gordura daquela região”.


Entretanto o dermatologista faz uma ressalva: para obter resultados efetivos e seguros, deve haver supervisão médica. “Há clínicas de estética adquirindo este aparelho, mas se os protocolos não forem seguidos *rigorosamente*, não haverá resultados *satisfatórios*, sem contar que é obrigatório fazer anamnese do paciente para ver se há alguma restrição”, alerta. Pessoas com marcapasso, mulheres que usam *diu’s metálicos* e quem tiver lesões nas regiões não podem usar. “É um aparelho médico, portanto, tem que haver supervisão deste profissional para garantir o melhor resultado, se não, *os resultados podem ser comprometidos*.

Jenny Miranda - @jennybritomiranda


Dr. Fábio Gontijo - @dr.fabio.gontijo



CONTATE-NOS
 

CURTA E COMPARTILHE

CONTATO

©  2017 Todos Direitos Reservados - Revista Plástica & Forma Online