• Plastica e Forma

Cardápio da inteligência: saiba quais alimentos melhoram a função cerebral.


Diz o ditado que "você é o que você come" e é isso mesmo. Alguns alimentos são capazes de aprimorar o funcionamento do organismo. O cérebro, por exemplo, precisa de "combustível" constantemente para se manter sempre "afiado". O neurocirurgião e neurocientista, Dr. Fernando Gomes, do Hospital de São Paulo (USP), ensina que o cardápio pode influenciar a capacidade do cérebro e ainda ajuda no desempenho em provas e concursos.

"É preciso se alimentar a cada três horas para manter os níveis de glicose no sangue estáveis e dessa forma, evitar a falta de alimento ao cérebro que pode atrapalhar a capacidade cognitiva", explica o médico que lista 10 opções que devem estar presentes na dieta de quem quer máximo desempenho do cérebro.


Alimento / Para que serve? / Onde encontrar


Líquidos

têm utilidade na estabilização da circulação sanguínea e no transporte dos nutrientes

água, chás e frutas


Carboidrato

são fonte de energia e fornecem glicose

cereais integrais, frutas e vegetais


Ferro

auxilia no transporte de oxigênio,

carne vermelha, germe de trigo, aveia, espinafre, lentilha, soja e feijão


Cálcio

auxilia na condução dos sinais neurais,

leite e derivados, nozes, cereais integrais, brócolis, agrião, verduras, figo e farinha de aveia


Zinco

contribui para o equilíbrio neuroquímico, é importante para a memória e para a concentração, carne, ovos, peixe, cenoura, pão integral, batata e gergelim


Ácidos graxos insaturados e ômega 3

são responsáveis por formar a membrana celular dos neurônios,

peixes de águas frias, nozes, espinafre, óleo de milho e óleo de soja


Vitamina B, tiamina

contribui para o funcionamento das células do sistema nervoso central, é necessária para o metabolismo da glicose, cereais integrais, farinhas de aveia, germe de trigo, leguminosas, nozes e carne suína


Fenialanina, tirosina

importante para o estado de vigília e para a concentração e atuam como precursoras da epinefrina, norepinefrina e da dopamina, peixes (atum e truta), carne, derivados do leite, soja, amendoim, amêndoas, germe de trigo e queijo tipo cottage


Serina, metionina

essenciais para aprendizagem e memorização e atuam como precursoras da aceticolina,

peixes, frango, peru, carne bovina, castanha de cajú, germe de trigo, brócolis, ervilha, espinhafre, arroz e pão integral


Cafeína

em pequenas quantidades promove dilatação dos vasos sanguíneos do cérebro e melhora a memória e a capacidade de concentração,

café e nos chás preto e verde

Sobre Dr Fernando Gomes - CRM SP 90797 / RQE 44986

Há 12 anos atua como comunicador, já tendo passado pela TV Globo por seis anos como consultor fixo do programa Encontro com Fátima Bernardes (2013 a 2019), por um ano (2020) na TV Band no programa Aqui na Band como apresentador do quadro de saúde “E Agora Doutor?” e dois anos (2020 a 2022) como Corresponde Médico da TV CNN Brasil. É também autor de 8 livros de neurocirurgia e comportamento humano.

Professor Livre Docente de Neurocirurgia, com residência médica em Neurologia e Neurocirurgia no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, é neurocirurgião em hospitais renomados e também coordena um ambulatório relacionado a doenças do envelhecimento no Hospital das Clínicas. drfernandoneuro